Rick Rubin escolhe “Breaking The Girl” como uma das músicas mais notáveis que já produziu

A Rolling Stone divulgou hoje uma matéria com o Rick Rubin, onde ele escolhe as 21 músicas mais notáveis em sua carreira como produtor musical.

720x405-rubin

A música “Breaking The Girl”, do álbum Blood Sugar Sex Magik, o primeiro que Rick produziu da banda, está na lista. Ele comentou um pouco sobre ela:

“Eu estava morando na Califórnia nessa época, e era muito divertido para mim trabalhar com os Chili Peppers, porque eu era novo em Los Angeles, e os Chili Peppers eram tão estabelecidos na cultura de Los Angeles. Depois dos Beach Boys, a próxima banda da Califórnia era os Chili Peppers. Eles eram realmente a banda de Los Angeles. Esse foi o meu ‘bem vindo à Los Angeles’. Eu amava sair com eles. Eu realmente vivi Los Angeles de um jeito local com eles, e foi uma experiência linda.

Nós gravamos em uma casa incrível. Era um lugar lindo com uma vibe linda.  Breaking The Girl foi a primeira gravação que fizemos juntos, e tem uma parte linda de guitarra do John Frusciante.

Anthony Kiedis cantou em um dos quartos do segundo andar da casa sozinho. Ele não queria que ninguém visse ele cantando, então ele sempre meio que estava em um lugar distante. Estávamos ouvindo na sala de controle e falando com ele, e a ideia da quebra de ritmo – eu não lembro se foi ideia do Flea ou do John – mas apareceu, e todos tocaram juntos. Todos pegaram seus potes, panelas ou qualquer instrumento de metal, para uma sessão de jams de percussão, e funcionou muito bem. Isso deu um sabor interessante ao álbum e realmente se destacou”.

Para ver as outras músicas da lista de Rick, clique aqui.

Créditos: Rolling Stone

Chad Smith tocando Led Zeppelin na NAMM SHOW 2016

A edição desse ano da NAMM Show (National Association of Music Merchants), a maior feira de música dos Estados Unidos, ocorreu em janeiro em Anaheim – Califórnia e contou com a presença do baterista Chad Smith. Ele participou da homenagem que acontece anualmente ao baterista John Bonham do Led Zeppelin, chamada Bonzo Bash Jam. Na apresentação ele tocou a música “Since I’ve Been Loving You” do Led Zeppelin, juntamente com a banda The Moby Dicks (tributo ao Led Zeppelin). Confira o vídeo da apresentação:

 

Créditos: Sick Drummer Magazine

Flea: “Os motivos pelos quais apoio Bernie Sanders”

“O conceito de um presidente nesse país que não está em dívida com lobistas corporativos é uma bela ideia”, o baixista do Red Hot Chili Peppers diz.

1035x1466-GettyImages-464099037_

O sincero baixista do Red Hot Chili Peppers já expressou sua frustração com os candidatos republicanos à presidência. Mas, como o músico disse no twitter: ‘eu sou mais feliz e mais produtivo quando sou positivo’. Os Chili Peppers são partidários de Bernie Sanders há algum tempo, e fizeram um show na última sexta-feira em Los Angeles para arrecadar fundos para sua campanha.

Em uma entrevista exclusiva para a Rolling Stone, Flea expõe os motivos, embora ele não tenha “absolutamente nenhum interesse” em política, pelos quais apoia o candidato e suas ideias.

“A primeira vez que ouvi sobre Bernie Sanders, foi através de um professor meu que morava em Vermont. Ele estava me dizendo que o estado, em várias categorias, possuía o maior padrão de vida nos Estados Unidos em termos de empregos, educação, saúde e todas as coisas que você possa medir um padrão de vida. Ele me disse sobre Bernie e o quanto ele admirava ele, então ele está no meu radar há um tempo.

Quando começamos a ouvir sobre os candidatos democratas, eu vi que ele estava concorrendo e comecei a prestar atenção. Quando ouvi que ele não iria aceitar dinheiro de corporações, que não possui Super PACs e que estava fazendo tudo apenas com pequenas contribuições, eu fiquei maravilhado. O conceito de um presidente nesse país que não está em dívida com lobistas corporativos é uma bela ideia.

Há um ano, ninguém se importava com Bernie Sanders ou sabia quem ele era. E ele é um cara que não depende da cultura do medo, de Super PACs ou de bilhões de dólares. Ele apenas fala sobre questões que realmente nos afetam como seres humanos, como se importar com outros e ter uma chance de vencer.

As pessoas tentam demonizar isso, como: ‘socialismo é o próximo passo para o comunismo’. Isso é uma besteira. Bernie não está falando sobre eliminar o espírito do capitalismo em termos de espírito competitivo das pessoas serem capazes de levantarem com seus próprios esforços através de disciplina, trabalho pesado, criatividade e engenhosidade. Ele não está tentando eliminar a chance de fazer algo ótimo para você mesmo e ser parte do sonho americano. Ele está apenas dizendo: ‘Vamos dar uma chance para que todos possam ter uma educação decente e ter a oportunidade de ter saúde e cuidar de si mesmo e se educar’. Isso é o que civilização deveria ser.

O fator mais importante, é que todos merecem ter boa educação. Esse país é absolutamente capaz economicamente de prover uma boa educação para todos, sem levar em conta sua classe econômica. E todos merecem ter acesso à saúde de qualidade, sem levar em conta sua classe econômica. É isso que vai ajudar a reduzir os índices de criminalidade e pobreza. É isso que vai fazer esse país ser um lindo e vibrante lugar.

As pessoas ainda podem ficarem ricas, mas é apenas dar à todos uma chance que eles merecem. Eu apoio Bernie Sanders totalmente. Eu acredito nele. Eu acredito no que ele diz. Eu me relaciono com pessoas que percebem que estamos todos conectados, e que percebem que temos que tomar conta uns dos outros e amar uns aos outros. E isso é Bernie Sanders.

Além de questões econômicas, o que mais me interessa em qualquer candidato à presidência, é que aquele que menos gosta de fazer guerras e que menos gosta de começar uma campanha de guerra homicida, para manter o Complexo Militar Industrial funcionando e fazer bilhões para as corporações às custas de vidas humanas. Eu acho que o Bernie é o menos provável a começar uma guerra ridícula.

Eu não me importo em os críticos chamá-lo de inelegível. Eu acho que dizer isso é uma coisa boba. Claramente, ele é elegível. Ele é um cara que está conseguindo votos e mostrou em Iowa que está disputando acirrado com a Hillary. Deliberadamente, eleger alguém baseado em ser um ser humano com integridade, que fala pelas pessoas nesse país e sobre as coisas que interessam à elas – e não defender a culta do medo – é um conceito lindo e muito inspirador. E me dá um pouco de fé no processo político.

Os Chili Peppers fizeram um show para a campanha de Bernie na última sexta-feira, e o aluguel da casa de show era algo em $30,000 dólares. Nós dissemos: ‘Oh, nós vamos pagar pelo aluguel da casa’. E ele não aceitou. Ele disse: ‘Não podemos aceitar, vocês são um grupo – uma corporação – não posso aceitar esse dinheiro’. Ele podia aceitar os custos dos ingressos, porque cada um deles é uma pequena doação, mas os 30.000? ‘Não, eu não aceito dinheiro assim’.

Se ele for eleito, eu espero que a presidência Sanders faça algumas coisas: 1) ele não entrará em guerras, só se for para proteger outros seres humanos. 2) ele fará assistência médica ser acessível à todos, sem levar em conta o quanto de dinheiro eles possuem. 3) educação de qualidade disponível para todos. E isso significa todos mesmo. Isso significa pessoas que moram em comunidades muito pobres, e merecem educação tão boa quanto nas comunidades ricas. Eu quero que todos tenham as mesmas chances.

Eu não tenho interesse em política. O conceito de seres humanos se importando por outros me interessa muito. Eu me interesso pelo bem-estar das pessoas. Eu me interesso por amor, gentileza e por aqueles que não possuem muitas oportunidades e lutam para sobreviver em um mundo muito difícil. O candidato que realmente representa o bem-estar dos seres humanos nos Estados Unidos e se importa com as pessoas, é Bernie Sanders. E é por isso que eu o apoio.

Créditos: Rolling Stone

No segundo show de 2016, Chili Peppers tocou Aeroplane depois de quase 20 anos

Red Hot Chili Peppers tocaram “Aeroplane” pela primeira vez em quase 20 anos ontem na festa do Super Bowl 50, em São Francisco. A última vez que os Chili Peppers apresentou a faixa do One Hot Minute foi em 26 de julho de 1997 no Fuji Rock Festival, última apresentação da banda com Dave Navarro.

 

rhcpsetlist2016

 

Veja mais videos do Superbowl Party

Continue lendo…

[Fotos e Vídeos] Show do Red Hot Chili Peppers para a campanha “Feel The Bern”, de Bernie Sanders

Ontem à noite, os Red Hot Chili Peppers fizeram o primeiro show de 2016. Como anunciado aqui, a banda fez um show para arrecadar fundos para a campanha “Feel The Bern”, do pré candidato à presidência americana Bernie Sanders.

O show aconteceu no Theatre At Ace Hotel, em Los Angeles. Bernie Sanders fez um pequeno discurso em um telão, e logo depois chamou a banda ao palco. Eles não tocaram músicas novas, a novidade ficou por conta de um cover de uma música do David Bowie, Cracked Actor. Por falar em Bowie, a bateria de Chad Smith continha um rosto que era uma mistura do camaleão do rock com Bernie Sanders. Confira abaixo o setlist e algumas fotos e vídeos desse show:

12644762_10153221100200880_8682784783438743526_n

Setlist:

CAN’T STOP
FACTORY OF FAITH
NOBODY WEIRD LIKE ME
OTHERSIDE
POLICE HELICOPTER
AROUND THE WORLD
BLOOD SUGAR SEX MAGIK
ME AND MY FRIENDS
SNOW ((HEY OH))
CRACKED ACTOR
BY THE WAY
_______________________
IF YOU HAVE TO ASK
GIVE IT AWAY

Continue lendo…