Chad Smith dá 5 dicas valiosas ao gravar em estúdio

Danger Mouse e Chad Smith

Com o oitavo álbum dos Red Hot Chili Peppers tendo alcançado o topo das paradas em todo o mundo, é justo dizer que Chad Smith domina a arte de trabalhar em estúdio.

Separamos então 5 dicas dadas pelo próprio Chad ao gravar um álbum em estúdio.

1. Verifique o seu ego.

“Pode intimidar um pouco chegar em uma sala e dar de cara com Johnny Cash. Mas ele foi extremamente bacana. Eu me apresentei, disse: ‘Eu sou o baterista’. Ele não sabia quem eu era, claro. Então, ele começou a tocar as músicas e pedir minha opinião, o que eu achava. Imediatamente, já éramos parceiros na música. Não havia nada daquilo de ser ou não famoso. Simplesmente estávamos ali querendo fazer boa música.”

2. Vá com tudo.

“Quando eu estou tocando, eu não fico pensando: ‘Ah, isso é só um rascunho, uma demo’. Eu vou fundo nisto, cara! Você nunca sabe quando vai ser o take mágico. Às vezes, pode ser a primeira vez tocando e isto é muito legal porque você realmente não conhece aquela parte ainda, daí você se concentra muito ao ouvir e há uma excitação porque você não sabe de cor, há uma espontaneidade que é emocionante para mim. Eu amo essas coisas.”

3. Foco em takes completos.

“Você pode parar e continuar de onde parou, mas mesmo assim eu acho que há algo especial que vem através de uma faixa musical quando fazemos uma performance. Muitas vezes, com o Pro-Tools, tudo gira em torno da edição. ‘Posso sair deste verso e parar naquele outro.’ Mas eu acho que perde-se a beleza da performance quando você não toca durante a música toda. Então, como baterista, eu gosto de fazer isto sempre que possível.”

4. Os faça rir.

“Se uma gravação não está indo bem, ela pode ficar muito frustrante, as pessoas podem ficar muito tristes rapidamente – a pressão, gastar todo esse dinheiro, desperdiçar o tempo das pessoas. As coisas começam a atolar em uma única gravação, então eu geralmente conto algumas piadas. Hal Blaine me ensinou isso. Hal foi um músico de estúdio perene e ele já começava contando piadas. Eu não sei um monte de piadas, mas você só precisa saber de algumas para manter as pessoas em pé e trazer um certo alívio.”

5. Aprenda a ver o quadro como um todo.

“As pessoas ficam frustradas porque elas nem sempre podem fazer algo que querem fazer ou então o que está feito não soa bem, isto acontece. Eu posso ficar um pouco mal-humorado mas estou gravando música, tocando o meu instrumento, eu provavelmente estou em estúdio sofisticado, trabalhando com pessoas incríveis, fazendo o que eu amo fazer. Sério, eu vou ser irritado por causa disto? Lá fora há milhões de pessoas que querem fazer o que estou fazendo, então você tem que manter a perspectiva e ser grato.”

Tradução: Ana Paula Machado Mancini

Fonte: Music Radar