Red Hot Chili Peppers entram em nova era, diz Flea

Flea, baixista do Red Hot Chili Peppers, disse que a banda está “entrando em uma nova era” enquanto eles terminam o novo álbum.

2014Flea_RHCP_Getty464632511060314.article_x4

Como já anunciado antes, a banda americana se juntou ao produtor Brian Burton, mais conhecido como Danger Mouse, para o novo álbum e já possuem uma série de shows marcados em festivais para o verão. Entre essas datas, a participação principal no Reading and Leeds Festival 2016.

O vocalista Anthony Kiedis recentemente disse que eles estavam “nos detalhes finais” do novo álbum, e Flea conversou agora com a revista Q e revelou mais alguns detalhes.

“Estamos próximos do final”, ele disse. “Danger Mouse está produzindo dessa vez, em vez do Rick Rubin. Estamos caminhando para uma nova era e estamos muito animados”.

Quando perguntado como o álbum está soando, ele adiciona: “É novo e diferente, mas sem sacrificar nossas coisas boas. Tem algumas músicas que já tínhamos, e algumas novas também. Mal posso esperar para tocá-las ao vivo”.

Mesmo ressaltando que o disco novo dos Red Hot Chili Peppers está praticamente concluído, Flea não deu detalhes sobre o lançamento.

A possibilidade de que isso ocorra logo é grande, já que a banda cai na estrada a partir de abril com shows agendados nos Estados Unidos, Europa e Japão.

Enquanto isso, Flea também falou sobre o seu amor pelo David Bowie. O baixista fez uma tatuagem em seu braço logo após a morte do ícone musical esse ano. “Mais ou menos um mês antes do Bowie morrer, eu comprei o seu box set de vinis e estava trabalhando com ele”, Flea diz. “E aí, na noite antes de ele morrer, eu estava ouvindo Blackstar no fone de ouvido. Ele estava na minha cabeça quando eu acordei na manhã seguinte. Assim como muitas pessoas, eu me conectava com ele de uma forma muito pessoal. Ele nunca escreveu sobre sua vida pessoal, o que faz sua arte ser tão pura, mas você sente que conhece ele melhor do que qualquer pessoa”.

Créditos: NME e 89FM